Atleta da Semana: Laura Sileci


Laura Sileci, de Barueri para o mundo! Uma menina de muita garra e perseverança, que atravessou o mundo em busca do seu sonho.

“Comecei a treinar jiu-jitsu aos 11 anos de idade. Eu frequentava uma ONG em Santana de Parnaíba onde tinha aulas de Judô, a professora Magali estava sempre atenta ao meu trabalho e percebeu o meu potencial. Um belo dia surgiu a pergunta: ‘Você quer treinar jiu-jitsu?’ Aí não teve volta! Lembro como se fosse ontem da minha dor nos dedos de tanto fazer pegadas, lembro de ter me apaixonado pela arte desde o primeiro instante!”

Confira a entrevista que fiz com ela:

Me fala um pouco sobre a sua trajetória no esporte

Eu treino muito forte desde que comecei, mas depois que cheguei na Atos, foi um choque de realidade para mim! Eu estou dando meu melhor a cada dia. Eu treino com as melhores meninas e para mim cada dia que passa eu sinto que estou 100% certa da minha escolha!

Eu tenho 73 títulos no total contando com campeã europeia peso e vice absoluto. 3x campeã sul americana, 3º lugar Pan e vice campeã do Grand Slam.

É muito gratificante olhar para trás e ver que toda minha trajetória valeu a pena. Eu não tinha condições de pagar inscrições no início e então eu vendia pulseira na escola. Com o tempo eu fui ganhando muitos títulos e com isso as coisas foram ficando mais fáceis e tinham vezes que as pessoas da minha academia me ajudavam a pagar as inscrições.

Você sofreu preconceito alguma vez? Como lidou com isso?

De início eu sofri um pouco de preconceito por ser um “esporte masculino” para as pessoas. Mas eu sempre tive uma cabeça muito boa para isso e soube lidar bem com as críticas.

Qual atleta você mais admira?

É muito difícil dizer um atleta que eu admiro… são muitas histórias diferentes, muitas batalhas e todas por um mesmo sonho. Eu admiro todos que não desistem. Pois é uma jornada de consistência!

Sua família te apoia nessa jornada?

Minha família me apoia nessa minha escolha! Quando eu comecei, meu pai acreditava mais em mim do que eu mesma, ele é meu fã número 1. Ele ia de bicicleta comigo, atravessava o bairro (Barueri) só para me levar no treino. Ele foi para TODOS os campeonatos comigo, já viajamos muito para campeonatos e ele sempre do meu lado… horas e horas de carro em busca de um título! Vários campeonatos eu olhava para a arquibancada e ele estava dormindo no meio da multidão. É engraçado lembrar mas eu sinto muita gratidão por ele sempre acreditar em mim. Ele foi um parceiro muito grande e ainda é, e quando eu vim para San Diego, ele ficou realizado em ver eu crescendo com o jiu-jitsu.

Qual conselho você daria para quem está começando?

Um conselho que eu daria para quem está começando é não desistir! Porque quando você desiste de um sonho, parte de você morre!

Como você está conseguindo manter o foco na pandemia? Quais são as suas expectativas ?

Em meio a pandemia conquistei 2 títulos muito importantes. Fiquei em 2º lugar no Grand Slam e peguei terceira colocação no Pan 2020 (IBJJF). Mesmo com todo esse transtorno de lockdown fiz o possível para ter uma boa performance. Eu espero para 2021 um ano de muita saúde e que eu possa mostrar para que eu vim!

Quer fazer algum agradecimento?

Quero agradecer aos meus patrocinadores Nutraline, Magia Embalagens, Espaço Laser e Jiu-jitsu Stade of Mind por acreditarem no meu trabalho! Mal posso esperar para competir! Março está vindo cheio de novidades.

Clique aqui para acompanhar a Laura no instagram.


Leia também: Atleta da Semana: Laura e Luiza Sileci

Qual sua reação

Curtir Curtir
0
Curtir
Amei Amei
0
Amei
Haha Haha
0
Haha
uau uau
0
uau
Triste Triste
0
Triste
Grr Grr
0
Grr

Comments 0

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Atleta da Semana: Laura Sileci

log in

reset password

Voltar para
log in