Atleta da Semana: Sophia Nery


No Atleta da Semana de hoje vamos contar a história de mais uma menina que desde cedo já é apaixonada pelo jiu-jitsu, a Sophia Nery, que tem apenas 7 anos. Desde muito novinha a pequena já brincava com o pai, que também faz jiu-jitsu, e com 3 anos entrou para uma turminha de jiu-jitsu, enquanto também fazia judô na escola.

O pai da Sophia, Cleber Nery, falou que ela herdou dele o gosto pelos campeonatos e com 5 anos pediu para participar da sua primeira competição e ficou com a medalha de bronze. “Após essa primeira experiência com a competição ela me pediu pra lutar os mesmos eventos que eu competia. Então em 2019 ela se federou na FPJJ e participou de todos os eventos naquele ano”, conta Cleber.

Ela já participou de diversos campeonatos e quando não tem ninguém na sua categoria, costuma fazer lutas casadas. “Ela gosta muito de competir e se espelha muito na campeã Thamara Ferreira, que é filha da sua ex-professora de inglês.” Alguns títulos que a pequena já tem são: Paulista FPJJ, Abu Dhabi International Pro, Circuito Paulista FPJJ, I, II e III ETAPA Circuito Paulista FPJJ.

Mesmo ainda bem novinha, a Sophia já tem seu estilo preferido de jogo, que é fazer guarda e sempre buscar a finalização. Seus golpes preferidos são armlock, kimura, americana e estrangulamento das costas. Na sua rotina, o treino de jiu-jitsu entra três vezes por semana e o de judô uma vez.

Cleber conta que uma das maiores dificuldades que encontram para a filha é ter parceiras na mesma faixa etária. “Ela é a caçulinha das meninas, sempre convido as coleguinhas da escola ou da vizinha para ela ter mais parceiras de treino. Mas ainda encontro muita resistência por parte dos pais. Geralmente somente os pais que são praticantes do jiu-jitsu conseguem entender os benefícios do esporte para as meninas. Mas vamos trabalhando para mudar isso.”

Um dos maiores benefícios que o jiu-jitsu trouxe pra Sophia foi a socialização, segundo seu pai. Ele conta que ela é tímida, mas muito focada. “No tatame é maravilhoso, pois lá ela se solta, sorri, conversa, brinca, treina e se diverte. Eu e a mãe dela estamos percebendo que ela está começando a perder a timidez. Ainda é pouco, mas cada avanço é uma grande vitória.”

E a própria Sophia disse: “o jiu-jitsu é bom para as meninas saberem se defender e é muito bom pra fazer novos amigos.”

No último dia 12 de dezembro, ela foi graduada à faixa cinza. Segundo Cleber, isso abre oportunidades para que agora ela possa competir eventos da CBJJ/IBJJF.

É muito gratificante ver meninas tão novas já treinando jiu-jitsu. Lutas não é “coisa de menino” e é incrível o quanto o jiu-jitsu pode mudar a vida de uma menina ou de uma mulher e também de todas as crianças. E a Sophia é mais uma criança que tem tantos benefícios pela prática de um esporte e do jiu-jitsu, em especial.

A equipe do Bjj Girls Mag deseja à Sophia e sua família muito jiu-jitsu nessa caminhada! 🙂

Qual sua reação

Curtir Curtir
4
Curtir
Amei Amei
3
Amei
Haha Haha
0
Haha
uau uau
2
uau
Triste Triste
0
Triste
Grr Grr
0
Grr

Comments 0

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Atleta da Semana: Sophia Nery

log in

reset password

Voltar para
log in