Faixa é atestado e garantia de bom caráter?

Fiz um post lá no nosso perfil do Instagram falando um pouco sobre esse assunto e levantando os seguintes questionamentos: Será que ser graduado(a) dá “selo de garantia” de bom caráter? Ou um tipo de permissão para fazer o que quiser? Ou, ainda, o aval de tratar os outros como bem entender?

Vamos conversar um pouco e entender mais sobre isso. Não estou falando aqui que não devemos ter hierarquia no tatame, porque no jiu-jitsu (e nas artes marciais em geral) ela vai existir sim. Mas essa hierarquia é sobre entender que existem pessoas que já estão nessa caminhada há mais tempo. E por conta dessa vivência, terão mais experiência que quem está começando.

Essa hierarquia é sobre respeitar os mais graduados por tudo que eles já fizeram e fazem pelo jiu-jitsu. Sobre ter o olhar atento quando dois graduados estão treinando porque você sabe que vai aprender muito apenas observando aquele rola. É sobre alguém mais graduado te falar para ir por tal caminho e você não questionar, porque sabe que provavelmente essa pessoa já passou por isso e sabe o que está falando.

O que não pode existir é um “abuso de poder”. Se aproveitar da sua faixa para fazer o que bem entender com os menos graduados. Não dá para justificar um mau comportamento só porque é faixa preta e pode fazer o que quiser. Não dá para falar para os menos graduados fazerem algo absurdo dizendo que “o faixa preta tá mandando, então tem que fazer”. Hierarquia não é sobre menosprezar os outros!

Portanto, uma coisa é: ajudar e usar sua vivência e experiências para somar na trajetória dos menos graduados. Outra, muito diferente, é: achar que está acima de tudo e todos, que é superior, que pode se comportar e tratar os outros como quiser.⁣ Se um mais graduado te pedir pra fazer algo absurdo ou se comportar de uma maneira que você desconfia ser correta, não bata palmas pelo fato de ser faixa preta. Encontre um bom exemplo a ser seguido.⁣

Os menos graduados têm que respeitar quem já está ali há mais tempo, isso é óbvio. Mas o inverso também! De que adianta ser faixa preta e ser uma pessoa arrogante, de nariz em pé?⁣ Humildade é algo que não prejudica ninguém, muito pelo contrário. Não é porque você alcançou a faixa preta que sabe tudo, ou que agora tem que ter um ar superior.

Faixa não é atestado de bom caráter! E também não significa que a pessoa sabe de tudo. Afinal, quem chega lá fala: a faixa preta não é o final, e sim um recomeço. É a hora de reaprender muita coisa e de olhar para a sua trajetória e pensar “ok, como posso ajudar outras pessoas a chegarem onde eu cheguei?”. E para incentivar as pessoas, não dá para se tornar inacessível, querer se colocar em um patamar a parte dos outros.

Tem muita gente por aí abusando do fato de ser graduado para fazer o que bem entender e tratar os outros mal. (ou, pior ainda, para assediar mulheres). Mas a banda não pode tocar assim. Respeito é bom e todo mundo merece.⁣

 

Se for compartilhar este conteúdo, lembre-se de dar os créditos.

Posts relacionados

competidora-de-jiu-jitsu (1)

A solidão da competidora de jiu-jitsu

O número de atletas mulheres em competições de jiu-jitsu mundo afora tem crescido consideravelmente. Porém, a verdade é que a grande maioria dessas atletas não

regras-do-jiu-jitsu

Mergulhe no mundo das regras de jiu jitsu

O Jiu-Jitsu, uma arte marcial de origem japonesa, tem conquistado o mundo com sua abordagem única de enfrentar adversários, sejam ele grandes ou pequenos, mais