O que é a força feminina?


O que é a força de uma mulher para você? Posso dizer aqui que somos que nem a mãe natureza, quem gera e alimenta. Posso dizer também que somos a força da intuição, as que já até sabem, porém ainda sim tem a coragem de sentir a dor pela nobreza de ser. Posso dizer também que somos que nem a lua, a qual tem várias facetas se
adaptando ao que o momento lhe pede!

A força feminina é a mais imprevisível que existe, pois é misteriosa, sábia e ligeira! Sim, por muitas décadas fomos encurraladas como frágeis, mas agora são outros tempos! Tempo de colocar nosso coração enorme para fora em forma de coragem. Afinal, sempre tivemos a nossa guerreira dentro de nós, apenas a estamos reconhecendo e nos reencontrando novamente.

E lá, no tatame, sempre é um reencontro. O jiu-jitsu é a arte que pode nos defender do mal alheio, assim como o amor! Lá no tatame, a luta antes de tudo é interna. É uma busca do seu melhor, encarando suas fraquezas, seus egos, seus medos ou qualquer vaidade limitante. É preciso se encarar, ser humilde, se lapidar e assim, brilhar!

Brilhar com tanta coragem, a ponto de querer o mesmo a quem está à sua volta, sem essa de medo do próximo ser melhor do que você. Lá todo mundo aprende a se desenvolver em união. Cada um com sua qualidade, trocando e sendo irmãos.

Está aí, o maior sentido do amor! Amar a si mesmo para assim amar ao próximo. O jiu-jitsu vem nos desenvolvendo para sermos a nossa melhor versão. Não é fácil, é sempre um desafio sermos melhores. E é ai que está a graça da coisa! Cair e levantar. Errar e aprender. Perder e ganhar. Isso é a vida! Passar por cima de medos e não dar ouvidos a críticas sem fundamentos é ter a convicção da direção que se está indo.

Pois quando existe a moral e o praticado, existe um cala boca sem a necessidade de mandar calar, pois ao seu redor envolve a dignidade do seu ser! Como se fosse uma aura de proteção que você mesma criou e reforçou. Daí em diante, não existe mais olhar para baixo e nem pra cima demais. E sim, um olho no olho. Reto, focado e direcionado para seu caminho.

Mulher, aquela que não sabia sua força de guerra, era ensinada a competir com a outra por homem e que desconhecia a sua capacidade de ser várias coisas ao mesmo tempo. Hoje é arcaico! Pois somos autoras de nossas vidas, finalizando o mal com uma chave de braço e se erguendo após dores mundanas. Somos as que aguentam um parto. Quer força mais misteriosa e poderosa que essa? Tão misteriosa que só você sabe o tamanho dela.

O jiu-jitsu aflora o lado feminino selvagem. Onde nós mesmas nos salvamos neste mundão! Uma laranja inteira sempre será uma sobremesa saudável. Mas um docinho divino após o almoço, nem sempre será viável. Jiu-jitsu é a tal metade da laranja que me faltava.

Qual sua reação

Curtir Curtir
11
Curtir
Amei Amei
7
Amei
Haha Haha
0
Haha
uau uau
0
uau
Triste Triste
0
Triste
Grr Grr
0
Grr

Comments 0

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O que é a força feminina?

log in

reset password

Voltar para
log in