Faixa roxa na arte suave, Ariane Lipski estreia no UFC neste sábado


Ariane Lispki
thumbnail-caption

Brasileira encara Joanne Calderwood no próximo sábado pelo UFC Brooklin

Ariane Lispki
Ariane Lispki (créditos: Photo FIght Brasil)

Uma das maiores promessas do MMA brasileiro na atualidade, Ariane Lipski já possuí uma grande experiência internacional mesmo sem estrear pelo UFC. Ex-lutadora do KSW, evento no qual foi campeã e reinou até o fim do seu contrato, Ariane busca mostrar o seu potencial no Ultimate onde encara Joanne Calderwood no próximo sábado. Enfrentando uma atleta oriunda da trocação, a curitibana admitiu estar pronta para qualquer situação que a luta possa lhe oferecer:

– Eu comecei na luta em pé mas sou uma lutadora de MMA. Amo todas as modalidades de luta, então o chão sempre será uma alternativa para mim também. Estarei pronta para representar a minha faixa-roxa e a minha equipe de Jiu-Jitsu (Checkmat) se precisar.

Contratada do UFC no ano passado, a lutadora que tem como uma de suas maiores inspirações Cris Cyborg, fará uma das lutas preliminares de um evento histórico já que o UFC Brooklin, ou UFC Fight Night on ESPN + 1 será o primeiro de um acordo da organização com a ESPN norte-americana. Empolgada com a chance de lutar em um evento dessa magnitude, a lutadora vibrou com a oportunidade:

– A sensação é ótima, estou muito feliz com mais essa grande oportunidade de mostrar o trabalho que eu e minha equipe estamos realizando há muito tempo, mas agora para um público ainda maior.

Ariane Lispki
Ariane Lispki (créditos: Photo FIght Brasil)

Aos 24 anos, Ariane acumula um cartel com 11 vitórias e apenas 3 derrotas na carreira. Seu último revés foi há quase 4 anos, desde lá a lutadora venceu 9 oponentes na carreira, sendo 5 pelo evento polonês no qual ostentou por anos o cinturão peso-mosca do evento. De olho no título da maior organização de artes marciais mistas do mundo, a lutadora foi cautelosa ao falar sobre esse objetivo:

– O melhor caminho é continuar treinando muito e fazer uma luta de cada vez, sem pressa, deixar que aconteça naturalmente.

Agendado para o dia 19 de janeiro, o UFC Brooklin ainda vai contar com outros brasileiros no card como Vinicius Mamute e Glover Teixeira, além de marcar o encontro entre dois campeões do UFC, já que Henry Cejudo e TJ DIllashaw medem forças pelo título peso-mosca da organização – finalizou Ariane.

 


Gostou? Compartilhe com seus amigos!

0

Qual sua reação

Curtir Curtir
1
Curtir
Amei Amei
0
Amei
Haha Haha
0
Haha
uau uau
0
uau
Triste Triste
0
Triste
Grr Grr
0
Grr

Comments 0

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Faixa roxa na arte suave, Ariane Lipski estreia no UFC neste sábado

log in

reset password

Voltar para
log in