Projeto Social ADT3


projeto social ADT3

Vamos dar continuidade às histórias dos projetos sociais e hoje vamos conhecer um pouco mais sobre o Projeto ADT3 , que começou há apenas 5 meses sob a responsabilidade dos instrutores de jiu-jitsu Tatiana Peev e seu esposo Bruno Gama, que são alunos do Sensei Flávio Baldini (da equipe Colisão Jiu-Jitsu) e idealizaram o projeto. O ADT3 foi criado quando a direção de uma escola municipal notou que as crianças estavam “danadas” e sem controle, e enxergaram as artes marciais como uma forma de ajudar a disciplinar essas crianças. Foi então que procuraram os instrutores (que hoje são os idealizadores e responsáveis pelo projeto) para que eles pudessem ajudar na educação comportamental dessas crianças. Logo após conversas e visitas, cederam o espaço e iniciaram as aulas no projeto.

Apesar de ter sido criado há pouco tempo, o projeto já atende cerca de 80 crianças (de 5 a 17 anos) com aulas de jiu-jitsu de Tatiana e Bruno, e cerca de 40 crianças (de 5 a 17 anos) com aulas de karatê com o Sensei Gilberto Moura juntamente com sua esposa e seu filho (também instrutores de Karatê). O projeto (atualmente bancado pela própria Tati e seu esposo) já possui planos para 2018, com aulas de capoeira e judô, para atender um número maior de crianças e aumentar a inclusão social na academia.

O time de competidores do projeto atualmente conta com diversos alunos (que já treinavam ou já são do projeto há um tempo), e alguns iniciantes já participaram de um campeonato interno. O ADT3 incentiva os alunos a participarem de campeonatos com o objetivo de contribuir ainda mais para a evolução dos alunos (tanto dentro como fora dos tatames), e já possuem várias histórias de superação e inclusão. Alguns alunos destaque participam de treinos para competições e de campeonatos com inscrições custeadas pelos idealizadores do projeto.

Tatiana Peev nos relatou a história de superação de uma de suas alunas : “Uma menina de 13 anos chegou aqui para gente já rotulada como menina problemática, com diversos problemas no ambiente familiar, problemas com alimentação, péssima desempenho escolar, comportamento um pouco difícil, e algumas sequelas de um AVC que a mesma sofreu quando era mais  nova. Mas já percebemos grandes mudanças positivas na vida dessa aluna, e ela nos falou que hoje em dia já encontra um motivo para sorrir e viver uma vida normal, e deseja ser uma campeã dentro e fora dos tatames. É por pessoas como ela que nós lutamos todos os dias.”

A igualdade é muito importante para o crescimento e fortalecimento do nosso esporte, e nos treinos do projeto todas as meninas treinam de igual para igual. Pensando na evolução e união das meninas no jiu-jitsu, a instrutora resolveu criar uma turma feminina em outros horários na própria academia. Pensando em incentivar a disciplina das meninas, elas também podem treinar na turma feminina desde que estejam bem na escola e com um bom comportamento.

Se você é de São Paulo e possui interesse em conhecer um projeto social ou fazer alguma doação (qualquer ajuda é bem vinda), faça uma visita ao Projeto Social ADT3.

Endereço : T3 Centro de Treinamento 
Av. Guapira, 2139 – Tucuruvi – São Paulo

Email : comercial@ctt3.com.br

Telefone : (11) 2249-5131 ou (11) 99752-0287 – whatsapp

Caro leitor, se você conhece algum projeto social entre em contato com o BGM e conte-nos essa história. OSS! 🙂

Qual sua reação

Curtir Curtir
11
Curtir
Amei Amei
6
Amei
Haha Haha
0
Haha
uau uau
1
uau
Triste Triste
0
Triste
Grr Grr
0
Grr

Comments 2

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Obrigada por compartilhar nossa história! É um aprendizado diário trabalhar com essas crianças e meninas. Aprendemos principalmente a valorizar o próximo como ser humano, colega de treino e irmão. Não somos nada sem eles. Estamos abertos a visitas e ficaremos muito felizes em receber quem apoia nossa causa! Obrigada, BJJ Girls Mag e Thainá pela matéria e sucesso a todos! Oss

  2. Olá competente e responsável Thainá quero aqui deixar meus sinceros elogios e agrafecimentos pous faço parte de um Projeto social que tem o jiu jitsu como esporte e nós do projeto temos este honroso e generoso apoio destas três brilhantes criaturas:Bruno,Tati e Mestre Flávio.Sabe,vivemos em um mundo repleto de egoísmo,ganância,individualismo,desamor,violência e miséria,qualquer gesto ou ato de amor e solidariedade nos toca nos emociona de maneira sem igual.Mas sabe Thainá,quando nos deparamos com seres tão nobres e especiais como é o caso dos três citados(bruno,Tati,Flávio) repletos de valores como boa-vontade,solidariedade,cooperação e tantas outras virtudes.Isso nos traz uma sensação e um sentimento de que a humanidade não está perdidada como pensávamos estar.Que pessoas como estas( e como você também Thainá)são indispensáveis e necessárias para a sociedade e principalmente para evolução de uma nova geração .Uma geração mais humana,fechada para o egoísmo e aberta para a solidariedade e para o amor aos semelhantes.Esta é a minha forma(sem nenhum exagero)de dizer a vocês o meu MUITO OBRIGADO.E os meus sinceros PARABÉNS por este novo e lindo Projeto Social e a você Thainá pela divulgação deste lindissimo trabalho.Me emociono e fico feliz por saber que ainda existem pessoas assim neste País que nos causa tanta dor.Fiquem todos com Deus.Amem!!!

Projeto Social ADT3

log in

reset password

Voltar para
log in