Mundial IBJJF 2017 – Veja o que surpreendeu no feminino


Demorou, mas saiu! \o/ No fim de semana retrasado rolou o Mundial IBJJF 2017, e a mulherada surpreendeu de verdade!  Começando pelas faixas brancas, podemos dar o destaque para Jordan Ann Wagner, da Ground Control (Washington DC) na categoria leve, que lutou com Dani Bolina em sua terceira luta, avançando e levando a categoria, sendo graduada a faixa azul no pódio.

Jordan Wagner - Mundial 2017
Jordan Wagner – Mundial 2017 (Reprodução: Instagram)

Na faixa azul, podemos falar da sinistra Thayná Rodrigues, que representa a Guigo JJ. Thayná lutou de leve, fez ótimas lutas e chegou bem pertinho do ouro, ficando em vice, depois de perder a final para Jessica Ann Buchman, da Brasa CTA, por uma vantagem. Thayná vem de um ano muito bom, foi inclusive campeã brasileira em sua categoria neste ano.

  

No absoluto, tivemos Maggie Grindatti como campeã, levando também a categoria e sendo graduada à faixa roxa no pódio.

Na roxa, mais um show! Julia Boscher brilhou na categoria médio, finalizando todas as lutas, inclusive a final com Thamara Ferreira, sendo graduada à faixa marrom no pódio. Destaque também para a campeã da categoria pesado, Izadora Cristina, da Brotherhood e para Gabriela Fechter, mais uma vez campeã na peso pena, e terceiro no absoluto, cuja campeã foi Jessica Guedry, da Soul Fighters BJJ. Ah! Gabriela pegou a marrom essa semana. 😍

Pódio faixa roxa peso médio feminino - Mundial 2017 IBJJF
Pódio faixa roxa peso médio feminino – Mundial 2017 IBJJF (Reprodução: Instagram)

Na marrom, destaque para a Andressa Cintra, campeã na meio pesado, levando também o absoluto. Na leve, Catherine Fuhro, da Checkmat levou a melhor e na médio, Renata Marinho ficou com o ouro.

Já na faixa preta, o bicho pegou demais! No peso pluma, uma final duríssima entre Gezary Matuda e Talita Alencar, decidida no finalzinho, quando Talita raspa e leva o título mundial por 2×0, desbancando a favorita da American Top Team.

No peso pena, tivemos uma luta muito dura porém duvidosa entre Ana Schmitt e Bia Basilio, que levou uma raspagem de omoplata no finalzinho, o que garantiu 2 pontos para a atleta da Gracie Humaitá.

O peso leve ficou pra Luiza Monteiro, que após ganhar de Tami Musummeci, enfrentou a favorita Bia Mesquita na final. Bia acabou sendo desclassificada após encaixar uma posição proibida. Luiza comemora então seu bicampeonato mundial. Bia, após o campeonato postou em seus stories no insta um “pedido de desculpas” dizendo mesmo que errou na luta, prometendo também chegar melhor no ano que vem.

Pódio categoria leve feminino Mundial 2017
Pódio categoria leve feminino Mundial 2017 (Reprodução: IBJJF)

A final do peso médio foi um lutão de tirar o fôlego! A então campeã de 2016, Monique Elias enfrentou a recém chegada na faixa preta, Ana Carolina Vieira (Baby). Após sete minutos numa briga pra passar, Baby passa a guarda de Monique, volta pra guarda, raspa na fechada, passa novamente, monta e ainda encaixa um katagatame, mas Monique não bate. A luta acabou em 12×0.

Na meio pesado, tivemos Nathiely Jesus x Andresa Correa, numa final duríssima também. Nathi finaliza Andresa num estrangulamento e leva o campeonato mundial em seu primeiro ano na faixa preta ♥. Após a luta, Andresa desamarra sua faixa preta e a deixa no tatame, sinalizando, possivelmente, sua última luta nos campeonatos.

Na pesado, tivemos outra luta duríssima entre Talita Treta e Claudia do Val. Claudia encaixa um triângulo muito justo, mas Treta resiste durante muito tempo e não bate. Claudinha raspou no finalzinho, levando o título pra casa também em seu primeiro ano de preta.

No super pesado, mais uma vez Tayane Porfírio deu show: finalizou sua adversária Venla Orvokki numa chave de joelho e garantiu a categoria.

E no absoluto, tivemos mais uma final entre as sinistras Tayane e Nathiely. Nathi ganhou no ano passado de marrom, porém dessa vez o título ficou com Tayane, que levou o ouro duplo para casa.

Muitas surpresas com essa nova safra que vem fazendo bonito na faixa preta.  E logo logo vem mais, afinal, as marrons logo chegarão na preta pra nos dar a cada dia mais e mais shows de jiu jitsu. A equipe Bjj Girls Mag parabeniza a todas pela participação, levando medalhas pra casa ou não.

Oss!

Qual sua reação

Curtir Curtir
5
Curtir
Amei Amei
3
Amei
Haha Haha
0
Haha
uau uau
0
uau
Triste Triste
1
Triste
Grr Grr
0
Grr

Comments 1

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mundial IBJJF 2017 – Veja o que surpreendeu no feminino

log in

reset password

Voltar para
log in