Sobre nós e o tatame


Amarre seus cabelos, faça tranças, rabos, use elásticos coloridos. Use a touca, use sua rashguard favorita, coloque um sorriso no rosto e vamos conectar o tatame com a vida que levamos fora dele!

Você provavelmente se arruma pra sair, não sai com as roupas sujas, muito menos com o cabelo pro alto e cheio de nós, não é mesmo?! Ir para o treino deve ser um momento especial do seu dia, e isso também exige alguns cuidados básicos. Praticar jiu-jitsu nos dá muitos deveres. O que queremos ver durante e depois dos treinos é um lugar saudável e atrativo para os novos praticantes, contribuindo ativamente para o crescimento e evolução do esporte.

Em muitas situações o tatame parece um ambiente mais masculino do que feminino. Normal, visto que eles ainda são a maioria, mas isso não quer dizer nada quando se trata da higiene nos treinos. Você já pensou em levar seus gostos individuais para as aulas de jiu-jitsu? Não se trata de vaidade, nem de rímel e batons. Trata-se de conectar sua vida com as aulas e fazer do tatame o seu lugar especial, fazer do kimono sua roupa favorita. Assim como os corredores amam o tênis e cuidam deles deixando-os no sol para evitar odores, como os amantes de crossfit adoram as meias altas para não machucar a canela. Então: cuide do seu kimono.

Experimente trazer para as aulas o seu melhor sorriso e seu bom humor. Não crie o hábito de amarrar seu cabelo de qualquer jeito usando a desculpa de que é só um treino. Cuide bem do seu cabelo, pois isso pode evitar que você se machuque durante o rola.

Ame-se! Não saia correndo de casa sem uma mínima higienização. O olfato é um instrumento de bem-estar e treinar com alguém que, mesmo suado, está cheirosa (o) é ótimo.

Além disso, não custa ajudar a limpar o tatame depois do treino para garantir um próximo treino limpo. Além da falta de higiene, um tatame sujo pode causar diversas contaminações de pele e levar a complicações muito mais graves do que simplesmente má higienização.

Graças ao aumento significativo das mulheres no jiu-jitsu, muita coisa já mudou. Sem sexismo, mas nós, mulheres, geralmente, nos preocupamos mais com higiene e limpeza. Sendo assim, o tatame já não é mais visto como um ambiente hostil, com palavrões e brigas ovacionadas. As mulheres trouxeram leveza aos treinos, e agora precisamos ajudar a conquistar novas mudanças, criar um ambiente limpo, divertido, sem rivalidade e sem fofocas.

Vamos cativar novas mulheres a estarem ali. Vamos focar nossa energia na evolução e no bem-estar das pessoas à nossa volta. Vamos conectar o jiu-jitsu feminino através de ações positivas e femininas diariamente, fazendo, assim, dos treinos de jiu-jitsu e do tatame um lugar melhor para todos. Trate-o como sua segunda casa.

Oss.

Qual sua reação

Curtir Curtir
0
Curtir
Amei Amei
0
Amei
Haha Haha
0
Haha
uau uau
0
uau
Triste Triste
0
Triste
Grr Grr
0
Grr

Comments 0

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre nós e o tatame

log in

reset password

Voltar para
log in